Para a maioria das pessoas o fast fashion representa conveniência. Tendências que costumavam vir em quatro temporadas agora mudam quase que diariamente, tornando o conceito de qualquer “nova tendência” obsoleto. As roupas que você usa perdem seu valor, uma vez que rivalizam com o custo do seu café com leite no Starbucks. Com a hiperprodução de roupas baratas feitas na Ásia, podemos comprar muito mais hoje do que qualquer outro período da história humana.

O consumo constante de moda descartável gera impactos humanos, ambientais e sociais que precisamos considerar. É aí que entra o State of Fashion, uma iniciativa que “apoia e ativa a busca mundial por uma indústria da moda mais justa, limpa e sustentável”, conectando designers, empresas, governos, instituições educacionais e consumidores de moda e têxtil. O evento trimestral é o primeiro de seu tipo dedicado à moda sustentável e justa em nível internacional. Sua primeira edição, em busca do novo luxo, acontecendo de 1º de junho a 22 de julho de 2018, em Arnhem, Holanda.

A exposição de 3 mil metros quadrados é composta por mais de 50 designers, artistas, pensadores e agentes de mudança apresentando sua visão sobre o novo luxo. Isso inclui colaborações com Stella McCartney, Vivienne Westwood, Victor e Rolf, Iris Van Harpen, Bruno Pieters, G-Star RAW, Zegna, H & M e muitos mais.

State of Fashion | searching for the new luxury – Opening!

State of Fashion | searching for the new luxury is now officially open till 22 July 2018! Seven weeks of exhibition and events at the Milk Factory in Arnhem. Join us in our search for the new luxury!Special thanks to Collectief Soepel, Space&Matter, GLAMCULT, Kestrel Jenkins and Halfvol.!

Posted by State of Fashion on Sunday, 10 June 2018

Segundo os curadores do State of Fashion: “a moda do futuro vai se transformar em um sistema onde o foco é muito mais sobre o próprio produto e a história por trás dele. O sistema do fast fashion vai definitivamente desacelerar porque os consumidores estão fartos dele. Hoje em dia, focar no novo (toda semana, algo diferente e muitas tendências diferentes ao mesmo tempo) não parece mais relevante”.

Com o tema “Buscando o novo luxo”, as novas definições de luxo são exploradas como resposta às urgentes demandas ecológicas e sociais de hoje: menos desperdício e poluição, mais igualdade, bem-estar e inclusividade. Novas técnicas, como impressão 3D e novos materiais, criam novas definições da palavra luxo.

Além de uma exposição, o State of Fashion hospeda vários eventos. Todas as sextas-feiras é realizada uma “Whataboutery”, na qual um determinado tópico é discutido por designers inovadores. Os tópicos incluem consumo consciente de moda, circularidade e ética. Para ver o programa completo, clique aqui e aqui .

Fonte: Stylo Urbano.