Fonte: AEDB

Resumo: Em 1983 o professor e psicólogo americano Howard Gardner, após intensas pesquisas publicou o conceito ou teoria das inteligências múltiplas, tendo definido à época sete tipos diferentes, sendo que em 2011 já eram contabilizadas 12 inteligências. Como a ergonomia cognitiva refere-se aos processos mentais e vem sendo cada vez mais necessária e utilizada na produção, neste artigo faz-se uma breve revisão bibliográfica do conceito das inteligências múltiplas, sugerindo-se que as análises ergonômicas de postos de trabalho, levem em conta estas inteligências, de forma a colocar a
pessoa certa no lugar certo.

Palavras-chave: Ergonomia; Cognição; Inteligência Múltiplas.

Acesse o artigo completo aqui.